Saiba como fazer um bom curriculo em ingles

O inglês é uma das línguas mais faladas do mundo e, por isso mesmo, no momento de fazer um curriculum vitae, é necessário considerar a importância que poderá ter, para a vida profissional e o sucesso, a criação de um documento de apresentação que demonstre a sua fluência neste idioma e permita a candidatura para empresas internacionais (ou internacionalizadas). Venha saber como pode fazer um bom currículo em inglês.

Crie o seu curriculum vitae

Existem inúmeras razões pelas quais pode desejar a criação uma versão inglesa do seu curriculum vitae. Está à procura de um emprego num país de língua inglesa, tal como Inglaterra ou os Estados Unidos? Quer melhorar as suas possibilidades de contratação num emprego onde vai precisar de lidar com um empregador estrangeiro? Está a fazer a sua candidatura para uma empresa com vários polos internacionais ou com um forte foco na atividade internacional?

Independentemente da razão que o motive, a verdade é que, ao longo do seu percurso profissional, o mais provável é mesmo que necessite de fazer a sua apresentação também em língua inglesa.

Caso decida criar um currículo inglês deve considerar que é essencial que este tipo de documento de apresentação pessoal e profissional precisa de estar criado de uma forma irrepreensível. Uma boa estrutura, segundo um modelo bem estudado, que considere o país e a empresa para o qual vai ser enviado e que tenha uma coerência e correção ortográfica perfeitas em inglês pode fazer toda a diferença no momento de demonstrar o seu profissionalismo e também a sua fluência linguística. Assim, ao criar um bom currículo não estará apenas a falar sobre si mas também a permitir que o potencial empregador compreenda de forma mais efetiva o nível de interesse e de fluência em inglês.

Sabendo como é importante que tenha um bom currículo em língua inglesa, iremos hoje debruçar-nos sobre os vários aspetos que distinguem um curriculum vitae português de um curriculum vitae em inglês (e as diferenças a considerar consoante o país para o qual pretende enviá-lo). Venha saber, com este artigo, tudo o que precisa de ter em consideração, caso queira garantir que cria o melhor curriculum vitae em inglês.

Quais as diferenças entre um curriculum vitae português e inglês?

O idioma não é a única diferença a considerar no momento de transformar o seu curriculum vitae português num curriculum vitae em inglês. Mais do que colocar as informações em língua inglesa, é necessário que tenha em atenção que existem pontos de diferenciação e modelos distintos para ambos os tipos de curriculum vitae.

Isto é, além de fazer a tradução as palavras do seu currículo, é importante que perceba a forma exata que os currículos devem tomar em cada país e quais as expetativas dos empreendedores quanto à sua apresentação pessoal, profissional e também quanto à extensão deste documento.

As diferenças na informação pessoal

Por norma, quando fazemos um currículo em Portugal, temos a preocupação de dar ao empregador o maior número de dados de informação pessoal possíveis.

Contrariamente a esta versão, onde se faz uma apresentação mais extensa do candidato, um curriculum vitae em inglês é marcado pela brevidade da informação. Esta secção do curriculum vitae deve ser o mais sucinta possível quanto à informação pessoal, mantendo apenas as informações fundamentais.

Ao apresentar-se, neste tipo de currículo, os dados essenciais serão:

  • Nome e sobrenome;
  • Número de telemóvel;
  • Endereço de e-mail;
  • País, cidade e área de residência;
  • Link para perfil do LinkedIn (caso assim o desejo e se o tiver atualizado).

A restante informação que costuma compor o currículo, tal como, por exemplo, a data de nascimento ou a naturalidade do candidato, bem como o número da carta de condução, a morada completa ou o estado civil, podem ser deixadas de fora na criação de um curriculum vitae em inglês.

As diferenças na informação visual

A informação visual é um bom exemplo de como os currículos são distintos em Portugal e em países de língua inglesa.

Em Portugal, por norma, quando se apresenta um currículo, este contém uma foto do candidato, sendo que algumas ofertas de emprego solicitam, inclusivamente, que o mesmo anexe uma fotografia de rosto e uma fotografia de corpo inteiro.
Quando faz um curriculum vitae em inglês não necessita de colocar qualquer foto do candidato. Na verdade, os principais países de língua inglesa – os Estados Unidos da América e o Reino Unido – consideram que conhecer a imagem do candidato não acrescenta qualquer informação pertinente sobre as suas competências laborais, pelo que desvalorizam este tipo de apresentação visual.

As diferenças na apresentação pessoal

A apresentação pessoal do candidato já é um elemento muito importante na criação dos currículos portugueses mas, nos ingleses, este surge como uma parte essencial do modelo. Na versão inglesa é absolutamente fundamental que o currículo se inicie com uma apresentação pessoal, onde o candidato resuma os seus conhecimentos, a sua formação, as suas competências e também as suas ambições profissionais.

O texto de apresentação deve ser colocado imediatamente depois das informações pessoais, no começo da página, sendo introduzido sob o título “Personal Statement”. Este terá uma extensão maior no caso de o candidato ter menor experiência, para compensar a ausência de experiências anteriores de trabalho e justificar a razão da candidatura.

Diferenças quanto à extensão do currículo

A extensão do currículo varia consoante o local para onde pretende enviá-lo. Em Portugal, por norma, este não excede as duas páginas. Se o traduzir para enviar para os Estados Unidos da América, lembre-se de que, aqui, uma página é considerada a melhor extensão para o curriculum vitae. Já no Reino Unido, os curriculum vitae de duas páginas são valorizados.

Qual a forma inglesa a adotar: o inglês britânico ou o inglês americano?

Em algum momento poderá questionar-se sobre o uso do ingles britânico ou americano, no momento de traduzir o seu curriculum vitae.

O ideal será que escolha o inglês utilizado tendo em consideração a nacionalidade da empresa para a qual irá candidatar-se. Mesmo que a empresa em questão não seja do Reino Unido nem dos Estados Unidos da América, uma pesquisa nos seus sites poderá ajudá-lo a compreender qual a forma de ingles que esta utiliza na sua comunicação.

O mais importante de tudo é que mantenha apenas uma das formas, não misturando o ingles britânico com o ingles americano, já que isto irá passar uma imagem pouco profissional.

Crie o seu curriculum vitae

Ferramentas que ajudam a traduzir o currículo

Hoje em dia, para o ajudar na tarefa de tradução de um curriculum vitae existem fortes aliados online. O CVmaker, por exemplo, pode ser um forte aliado no momento de fazer a tradução o seu currículo em português para o inglês; sendo que este serviço é feito por profissionais especializados que consideram as diferenças linguísticas, culturais e também os modelos de curriculum vitae indicados para cada país.

Esta tradução e adaptação do currículo para o modelo anglófono será ainda mais simples caso o seu currículo original, em português, já tenha sido criado pela CVmaker, sendo que, desta forma, bastará que vá ao separador “Meu CV” e clique em “duplicar”, transformando o duplicado numa versão inglesa (seguindo os passos Personal Data > English). Ao seguir estes passos, os títulos ficarão imediatamente traduzidos, ficando apenas a seu cargo a tradução do restante conteúdo.

CV personal profile PT

Como se fala do curriculum vitae em ingles?

Em Portugal temos várias formas de nos referirmos ao curriculum vitae, além da sua expressão em latim. Currículo, currículo profissional ou curriculum vitae são algumas das expressões mais comuns para designar este documento.

De facto, curriculum vitae é uma sigla que o inglês também adota e que pode ser usada. Já a tradução “resume” deve ser usada com cautela quando se envia um currículo no modelo anglófono para o Canadá ou para os Estados Unidos da América, sendo que esta palavra não designa apenas currículo mas também resumo, o que pode pressupor uma apresentação mais breve e que contrasta com o CV (aqui mais extenso).

As principais palavras do curriculum vitae e suas traduções para inglês

Para que a tradução do seu curriculum vitae para inglês seja mais simples, apresentamos uma lista com a tradução das principais palavras que utilizamos em currículos portugueses, para que possam servir de exemplo e simplificar o processo.

Formação académica – Education
Formação profissional / Estágio – Training, course
Diploma – Certificate, Degree
Competências – Skills
Experiências profissionais – Professional experiences
Hobbies e atividades de interesse pessoal – Interests, hobbies
Competências linguísticas – Language skills
Língua materna – Mother tongue, native language, native speaker
Fluente em – Fluent, near native
Proficiente em / Qualificado em – Proficient, advanced
Nível intermédio – Intermediate
Nível elementar – Basic, elementary
Capacidade de leitura – Reading
Fluência escrita – Written language, writing
Fluência oral – Spoken language, speaking, verbal communicatio

Texto de perfil

Estudioso – Eager to learn, curious, studious
Motivado – Motivated, eager
Sensível - Sensitive
Capacidade de liderança – Leadership, taking the lead, give direction, manage, to run
Comunicativo – Communicative
Capacidade de trabalho sob pressão – Stress-proof, stress-resistant, able to work under pressure
Orientado para os resultados – Result oriented, focus on results
Fiável – Reliable, trustworthy
Confiante – Confident
Qualidades relacionadas com o contacto para com os clientes – Client-friendly, customer-oriented
Conhecedor – Knowledgeable

Informações pessoais

Informações pessoais – Personal, personal details
Nome – First name
Apelido – Surname, last name, family name
Endereço de email – Email, email address
Numero de telefone – Telephone, telephone number, phone number
Morada – Address
Código Postal – Postal code, zip code, postcode
Nome da rua – Street name, road name
Lugar de residência – Place of residence, city, town
Data de nascimento – Date of birth, birth date
Local de nascimento / naturalidade - Place of birth, birth place
Sexo - Gender, sex
Estado Civil – Marital status
Nationalidade – Nationality

Crie o seu curriculum vitae

Experiência profissional

Experiência profissional – Work experience, career summary, work history
Lugar ocupado / Cargo – Role, position
Atualmente – Currently, present, current position, “year / date” onwards
Descrição do cargo realizado – Outline, role description/summary
Responsabilidades – Responsibilities, key responsibilities
Resultados / realizações / conquistas – Achievements, accomplishments

Quelques exemples communs de métier

Alguns exemplos comuns de profissões

Operador de caixa de supermercado – Cashier, checkout girl/boy
Vendedor / Promotor de vendas – Sales representative, sales employee
Lojista – Stock clerk, shelf stacker
Profissional de atendimento ao cliente – Customer service representative, customer service agent
Condutor – Driver
Funcionário de hotelaria – Hospitality
Empregado de mesa – Waiter, waitress
Trabalhador da construção civil – Construction worker, builder
Carpinteiro – Carpenter
Mecânico – Mechanic

Formação

No momento de trabalhar na tradução do seu currículo de português para ingles, o mais complexo será traduzir a secção referente à sua formação, na medida em que Portugal oferece inúmeros sistemas de formação escolar. A verdade é que, muitas vezes, será complexo o estabelecimento de uma relação direta entre as nomenclaturas portuguesas dos sistemas de formação portugueses para os sistemas de formação ingleses, podendo ser necessário recorrer a traduções próximas, que permitam a compreensão por parte de quem vai ler o seu curriculum vitae sobre os vários diplomas e formações que queira apresentar no seu currículo.

Ainda assim, deixamos a tradução de algumas das expressões que mais vezes se utilizam nos currículos portugueses, para que possa adaptá-lo à realidade inglesa.

Formação – Education
Tese de Mestrado / Dissertação de Mestrado – Thesis
Estágio – Internship, traineeship, work placement
Ecola primária – Primary school
Tese de Doutoramento / Dissertação de Doutoramento – Dissertation

Ensino Secundário – Secondary school
Universidade / Faculdade / Ensino Superior – University
Bacharelato – A-Levels
Licença profissional – Bachelor’s degree 
Mestrado – Master’s degree

Artigos relacionados

Mais de 112.872 utilizadores já criaram o seu CV

Com o CV maker, pode criar de forma rápida e fácil um CV profissional e distinto, em 15 minutos.

Crie o seu CV

Irá ter 65% mais probabilidade de obter emprego