Perfil profissional: melhores exemplos para o seu currícul

Um bom currículo implica que se atente ao conteúdo, para garantir uma apresentação válida e que crie, no potencial empregador, uma visão positiva sobre as competências e o valor da formação e experiência de cada um. Os perfis profissionais que integram o currículo são imensamente importantes para o efeito. Saiba mais sobre o currículo ideal e o papel do perfil para o mesmo.

Ter um bom curriculum vitae é muito importante mas existem outros aspetos que têm de acompanhar este documento. Um bom exemplo é o perfil.

Evidentemente, se não tiver as qualificações essenciais para conquistar o emprego ao qual se candidata, o perfil do seu currículo não irá impactar na decisão. Ainda assim, caso esteja a candidatar-se a um primeiro emprego ou se a decisão estiver pendente entre si e outro candidato com qualificações similares, este pode fazer toda a diferença e ser o aspeto que garante que é chamado para a entrevista. Leia o artigo que se segue para saber as melhores formas de criar um perfil profissional que o ajude a conquistar o emprego dos seus sonhos.

Crie o seu curriculum vitae

O que é um Perfil Pessoal?

Um perfil pessoal (ou perfil profissional) num currículo é, basicamente, uma declaração pessoal feita pelo próprio que visa transmitir ao leitor uma noção sobre as suas caraterísticas individuais e a sua personalidade. Este perfil é o local onde, de forma resumida, poderá resumir alguns dos aspetos da sua vida que possam ser impactantes, demonstrando qualidades pessoais que possam motivar a contratação. O propósito deste perfil não é o de fazer uma pequena biografia nem o de analisar profundamente a sua dimensão psicológica, já que tal seria pouco valorizado por um potencial empregador. Ainda assim, este deve dirigir-se aos pontos pessoais que, usualmente, em contexto de entrevista, um entrevistador procura questionar, com a finalidade de o conhecer melhor.

Este tipo de perfil é, para algumas pessoas, o espaço ideal para incluir as informações que se colocam, também, em cartas de apresentação. Ainda assim, o perfil profissional é distinto, na medida em que se trata de um espaço com o potencial de lhe dar a oportunidade de mostrar um lado seu que deixe o empregador com uma ideia positiva sobre a sua personalidade. Ao fazer isto, no entanto, deve ter algum cuidado: um excesso de elogios ou uma visão demasiado positiva, que possa parecer exagerada, poderão passar a mensagem contrária, fazendo com que a mensagem pareça falsa ou com que o seu perfil transmita arrogância e soberba (ideias que, evidentemente, deverá evitar).

O que deve ser mencionado num perfil profissional?

Um bom perfil pessoal tem de conter alguns elementos sobre si. Primeiramente, deverá incluir algumas informações relativas às suas caraterísticas pessoais que não se encontrem necessariamente no resto do seu currículo. Aqui, pode incluir, por exemplo, uma parte onde refira que é uma pessoa motivada e com uma boa capacidade de observação. Evidentemente, isto é algo que qualquer pessoa poderia dizer sobre si mesma e, assim, se usar este tipo de caraterística pessoal ou profissional, é bom que a reforce a mesma com um exemplo prático que a comprove. Para explicar: imagine que mencionou que é uma pessoa com uma grande facilidade em trabalhar em equipa. Neste caso, poderá acrescentar que foi um elemento importante para a equipa do clube desportivo local, pela facilidade de interação com os restantes elementos. Isto dará ao leitor a capacidade de perceber a análise pessoal que apresenta no seu perfil e irá, por isso, conferir-lhe maior validade.

O segundo elemento a colocar no perfil terá a ver com as suas competências. Embora algumas destas possam ser facilmente estabelecidas com base na sua formação e qualificações (por exemplo, se apresenta a sua carta de condução, é dispensável dizer que é um bom condutor), outras podem ser mencionadas por si, por não serem tão imediatas. Se é um bom comunicador, esta será uma informação válida e que deve constar no seu perfil, devendo – à imagem do que apresentou nos seus atributos pessoais - explicar através de exemplos práticos quais as razões que o fazem considerar que a sua capacidade de comunicação é tão positiva. Aqui, pode mencionar eventuais prémios ou menções honrosas que tenha recebido ou mesmo destacar elogios que lhe tenham sido feitos ao longo do percurso académico e profissional. Lembre-se de que a primeira impressão é muito importante.

Crie o seu curriculum vitae

Dicas para escrever um perfil profissional para o seu currículo

Se é a primeira vez que vai escrever um perfil profissional para integrar no seu currículo e pretende começa-lo do zero, o melhor é considerar outros exemplos, usando esta base para conseguir o melhor perfil possível.No final de ter escrito o seu perfil, leia-o em voz alto. A sonoridade é importante para perceber a leitura potencial feita pelo empregador e, assim, também a forma que este terá de encará-lo. Lembre-se de que é importante ser específico e exemplificar todas as caraterísticas que ali enuncia.Faça uma lista das coisas que quer mencionar para garantir que não esquece nenhuma. Aqui, poderá incluir pontos diversos: “Quem sou eu e do que estou à procura?”; “Quais são as capacidades e qualidades que podem tornar-me bem sucedido neste trabalho?”; “Quais são as minhas ambições e a minha visão pessoal sobre o trabalho nesta área?”

Os erros a evitar na escrita do perfil pessoal do curriculum vitae

Escrever um perfil demasiado genérico, que possa ser igualado por qualquer um dos candidatos ao trabalho. Aqui, a palavra de ordem é “pessoal” e é para esta que deve dirigir-se no momento de escrever o perfil. O mais importante é expressar quais as caraterísticas que lhe conferem unicidade e que são intransmissíveis.Escrever com erros de gramática ou de ortografia é um dos piores erros que pode fazer.

A inclusão deste tipo de erro em qualquer parte do currículo, incluindo o perfil, demonstra falta de brio, de cuidado, de atenção e de dedicação. Quando incluído no perfil profissional, sendo que este abre o currículo, a existência de erros poderá afetar muito negativamente a restante leitura do documento.Escrever por pontos é um erro no perfil pessoal. Aqui, o ideal é escrever frases completas e com lógica. O uso de pontos nunca deve ser usado na enumeração de caraterísticas de teor pessoal.Usar palavras desnecessárias para se descrever deve ser evitado. Ainda que deva estar o mais completo possível, o perfil não deve usar muitas palavras para dizer pouco.

Diga o fundamental, de forma direta.Não se foque apenas no requerido pela empresa na sua oferta de emprego. As capacidades que descrever estarão, provavelmente, em todos os curricula vitae que a empresa vai receber. Escreva pelo menos um elemento que o torne único face aos demais candidatos e que possa ser diferenciador.Não misture a primeira e a terceira pessoa no momento de se descrever. Pode adotar qualquer um dos modelos mas é muito importante que mantenha a coerência, falando sempre de si de uma ou de outra forma, sem as misturar.Não fale sobre capacidades que não tem. É de máxima importância que tenha todas as capacidades que menciona no seu curriculum vitae, sob o risco de se contradizer com informação do restante curriculum vitae ou durante a entrevista.

O que não deve constar no perfil do seu curriculum vitae?

Da mesma forma que existe informação imprescindível para o perfil, existe outra que pode (e deve!) ser deixada de fora.

Para começar, esta introdução do seu curriculum vitae não deve incluir as informações que constem noutro local do seu currículo. Isto criaria apenas uma repetição, que enfraquece o curriculum vitae, sendo demonstrativo de falta de conteúdos.

O uso de capacidades circunstanciais ou muito utilizadas neste perfil também não será útil, devendo estas ser reduzidas aos mínimos. Recomenda-se, ainda, que não fale minuciosamente sobre a sua vida pessoal, já que isto será indiferente para o potencial empregador.

Nesta parte do curriculum vitae deve evitar ao máximo escrever declarações de teor cómico ou opinativo. Este tipo de declaração poderá fazer sentido mais tarde, na fase da entrevista, mas não será bom para favorecer a sua imagem no perfil que visa passar informações pessoais sobre si.

Crie o seu curriculum vitae

Qual deve ser o comprimento do perfil profissional?

O perfil pessoal não precisa de ser muito extenso, embora, evidentemente, deva conter a informação necessária para descrever o indivíduo e as suas capacidades. O tamanho ideal para este tipo de perfil é entre seis e oito linhas, considerando que se utiliza uma fonte normal. Por norma, este tipo de apresentação não excede as 120 palavras.

Para que não se excedam estes valores, principalmente quando se conta com uma carreira rica, que promoveu a criação de várias capacidades, o espírito de síntese e a capacidade de seleção são muito importantes. Pondere quais os pontos mais importantes em vez de dar demasiada informação, condensada num espaço curto. Procure focar-se mais nos seus atributos pessoais do que nas experiências que possam ser depreendidas no resto do curriculum vitae.

Onde devo colocar o perfil profissional no esquema do currículo?

Convencionalmente, esta parte do seu curriculum vitae deve ser colocada no topo da primeira página do curriculo, imediatamente depois das informações essenciais (nome, morada e contactos de telefone e correio eletrónico).

O perfil deve vir imediatamente após estas informações e antes de um resumo onde explane as suas realizações, alguns dos detalhes sobre o seu percurso ao nível da educação, as suas qualificações profissionais e o seu histórico laboral. O posicionamento do perfil, por ter um destaque imenso, torna-se fundamental para a criação de uma primeira impressão positiva.

Embora deva dar-lhe toda a atenção, deve ainda ter em mente que é comum, na análise de curricula vitae, que os destinatários saltem esta secção e só a leiam depois das restantes. Ainda que o saiba, no entanto, é importante que não decida colocar esta informação no final, já que poderá passar a imagem de um curriculum vitae desorganizado, o que passa uma imagem muito negativa sobre si.

Inspire-se no melhor exemplo de Perfis Pessoais

Claro que escrever o perfil pessoal do seu curriculo é um desafio e, desta forma, ter algumas sugestões ou um bom exemplo pode ser uma boa ajuda para que se inspire no momento da escrita do seu. Além de ver alguns modelos base, pode ainda inspirar-se no exemplo que preparámos especificamente para tentar ajudá-lo neste processo.

Perfil 1: Designer de Moda

"Sou uma designer de moda, perita em corte e costura de moldes, com um interesse específico em malhas e roupas feitas sob medida. O meu trabalho reflete uma apreciação de padrões intrincados, atenção ao embelezamento das superfícies, cores e texturas. Sou uma entusiasta do vestuário vintage. Atualmente procuro um ambiente de trabalho inspirador, que me permita desenvolver as capacidades, permitindo um crescimento ao nível dos conhecimentos, sem a perda da minha identidade artística."

O que confere qualidade a este perfil?
O autor é específico sobre as habilidades específicas do trabalho. A declaração é pessoal e não poderia ser uma declaração pessoal de qualquer outra pessoa. Ela opta por escrever na primeira pessoa de forma consistente.

Perfil 2: Graduação em Marketing

"Licenciado em Marketing, com excelente capacidade analítica, de gestão de projetos e de trabalho em equipa, adquirida através de estudos universitários, de um ano de treino industrial no mercado logístico e de um trabalho em part-time em vendas e na hotelaria. Enquanto capitão da equipa de futebol da escola, sempre provou ter fortes capacidades de liderança. Atualmente à procura de um estágio desafiante dentro numa empresa de comércio eletrónico para expandir os conhecimentos atuais em marketing online."

O que confere qualidade a este perfil?
Neste exemplo de perfil de curriculum vitae, o autor explica claramente que habilidades tem e a forma de adquiri-las. Ele também é claro sobre o trabalho e o tipo de empresa que procura e a forma de ver o seu desenvolvimento pessoal.

Perfil 3: Carreira na área do atendimento e hospitalidade

"Eu durmo, respiro e alimento-me de hospitalidade. Desde que me lembro de mim que quero trabalhar nesta área. A minha paixão começou por crescer a trabalhar no restaurante dos meus pais. Tenho fortes capacidades sociais e uma atitude coloquial em relação aos meus clientes. No entanto, também sei ser autoritária, quando a situação assim o exige.

Depois de trabalhar muitos anos numa função de gestão na vibrante vida noturna de Utrecht, estou ansioso para dar o próximo passo na minha carreira. A minha ambição é trabalhar numa função de gestão semelhante, na indústria hoteleira."

O que confere qualidade a este perfil?
Este exemplo de perfil começa com uma afirmação muito forte. Ele explica bem quais são as qualidades e pontos fortes do candidato. Depois de ler a declaração pessoal, ficará claro para um empregador qual o tipo de trabalho que o candidato procura.

Perfil 4: Assistente de Recursos Humanos

"Licenciada em Psicologia e Negócios consciente e ambiciosa, com experiência em Recursos Humanos. Altamente capacitada para fazer apresentações num ambiente profissional, competência adquirida enquanto membro do quadro do Clube de Negócios da Universidade. Procuro um trabalho de Assistente de Recursos Humanos que necessite de fortes capacidades interpessoais e a oportunidade de assumir elevados níveis de responsabilidade. De preferência, procuro um lugar numa ONG ou numa empresa com elevados princípios éticos."

O que confere qualidade a este perfil?
Esta declaração pessoal é única e muito específica. A candidata não só afirma ser hábil em fazer apresentações, mas também explica onde ganhou essa competência. Além disso, a candidata também é específica no tipo de função e no tipo de empresa que procura.

Perfil 5: Engenheiro Mecânico

"Sou um jovem e hábil mecânico de automóveis com fortes capacidades sociais. Atualmente, trabalho no Kwik Fit Plus na função de "gestor de piso assistente da oficina". Fui promovido a esta função depois de trabalhar como mecânico durante 3 anos, graças às minhas excelentes habilidades no trato com os clientes. Desde o ano passado, sou formado no nível 3 e, agora, estou ansioso por uma nova oportunidade, onde possa desenvolver as minhas competências profissionais. De preferência, gostaria de conseguir um emprego numa concessionária de carros, onde eu possa utilizar não apenas minhas capacidades técnicas, mas também as minhas competências sociais e comerciais, no atendimento ao cliente e nas vendas."

O que confere qualidade a este perfil?
Este texto de perfil explica bem qual o tipo de função que o candidato está a procurar e porquê. O facto de o candidato ser promovido indica que está a trabalhar bem no seu atual emprego. Ao mesmo tempo, o seu desejo de trabalhar nas capacidades sociais e comerciais, explica a sua escolha de procurar uma nova oportunidade numa concessionária de automóveis.

Perfil 6: Enfermeira

"Enfermeira que procura uma oportunidade de trabalho com mais obrigações. Altamente competente na análise de informações, avaliações físicas e pensamento crítico. Obteve vários certificados profissionais. Procura uma organização que possa oferecer uma função com mais responsabilidades e um contrato a longo prazo.”

O que confere qualidade a este perfil?
A candidata explica que está à procura de um próximo passo na sua carreira, com mais responsabilidades. Ela menciona tanto os seus pontos fortes, incluindo os certificados obtidos, que são importantes para este campo de trabalho

Perfil 7: Promotor comercial

"Sou um promotor de vendas ambicioso, com experiência em lidar com prazos, gerir negócios e trabalhar com o software de vendas. Para o meu atual empregador, tenho conseguido aumentar as vendas dos clientes em 35%, ao mesmo tempo que angario novos clientes. A par com a minha licenciatura em Negócios Internacionais, tenho sido capaz de desenvolver as minhas capacidades num ambiente de trabalho que me agrada. Estou à procura de uma organização que me possa oferecer a oportunidade de trabalhar em projetos internacionais."

O que confere qualidade a este perfil?
Além de mencionar habilidades importantes exigidas nas vendas, o candidato também menciona realizações específicas que podem despertar o interesse de um novo empregador. O candidato também refere o seu desejo de trabalhar num ambiente mais internacional, o que corresponde aos seus estudos.

Crie o seu curriculum vitae

Artigos relacionados

Mais de 112.872 utilizadores já criaram o seu CV

Com o CV maker, pode criar de forma rápida e fácil um CV profissional e distinto, em 15 minutos.

Crie o seu CV

Irá ter 65% mais probabilidade de obter emprego